Saúde

Sorvete desenvolvido por pesquisadoras brasileiras alivia sintomas de pacientes em tratamento com quimioterapia

Uma equipe de nutricionistas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desenvolveu um sorvete especial que alivia os sintomas relacionados a pacientes que fazem tratamento com quimioterapia. Eles incluem náuseas, vômitos, feridas na boca, aftas, lesões na mucosa e a sensação de boca seca. O sorvete funciona como um suplemento alimentar que atende as necessidades nutricionais do paciente com dificuldade de ingerir alimentos.

A pesquisa detectou que grande parte dos pacientes em quimioterapia apresenta entre os principais desejos alimentares a ingestão de frutas, sucos e sorvetes. A equipe, juntamente com uma fabricante de sorvete de Florianópolis que se interessou pelo projeto, produziu um alimento saboroso e nutritivo que possui alta densidade energética e é fonte de fibras e proteínas. De acordo com a pesquisadora a aceitação dos três sabores produzidos, chocolate, morango e limão variou de 77% a 98%.

O produto é resultado do Trabalho de Conclusão de Residência (TCR) no Hospital Universitário da UFSC da nutricionista Paloma Mannes, orientado por Francilene Gracieli Kunradi Vieira e preceptora Akemi Arenas Kami.